domingo, 24 de janeiro de 2016

Flor do dia


" Você acha que pertence a esse mundo de poeira e matéria, mas além deste pó, você criou uma imagem pessoal, esquecendo-se da verdadeira essência de sua origem.
Tudo que você vê, tem suas raízes no mundo invisível.
As formas podem mudar, mas a essência continua a mesma.
Cada visão maravilhosa desaparecerá; cada palavra doce vai sumir... mas não desanime, a fonte de onde tudo vêm é eterna, crescendo, ramificando para fora, dando nova vida e nova alegria.
Por que você chora? A fonte está dentro de você e este mundo inteiro está surgindo a partir dela"
(Rumi)

Nenhum comentário:

Postar um comentário